Forum

A Benção (Al-Baraka...
 

A Benção (Al-Barakah)  

  RSS

Faisal bin Muhammad
(@faisal-bin-muhammad)
Active Member
Entrou: 1 mês atrás
Posts: 10
14/06/2019 10:59 pm  

O que é benção (barakah)?

Benção é excesso do bem em algo e é algo permanente.

Os textos do Alcorão e da Sunnah mostram de que a benção (barakah) é algo que somente vem da parte de Allaah, e que somente Allaah É Quem Dá a benção (barakah), sendo assim nenhum ser humano é capaz de dar benção (barakah) a outro ser humano.

Não é permitido a uma pessoa dizer: "eu abençoo as vossas ações!" Pois somente Allaah É Quem Abençoa as coisas.

E as evidências do Alcorão e da Sunnah mostram de que a benção (barakah) que Allaah colocou nas coisas, divide-se em três tipos:

1. Benção nos lugares.
2. Benção nos tempos.
3. Benção ligada a essência humana.

1. Benção nos lugares: como é o caso da Casa Sagrada (em Makkah) e o que está ao seu redor, a Mesquita do Profeta em Madinah e a Mesquita de Jerusalém e o que está ao seu redor. Essa benção está no lugar, ou seja, a pessoa adquire recompensas pelas boas ações que faz nesses lugares abençoados.

Isso não quer dizer que é permitido levar a areia desses lugares abençoados ou se esfregar nas construções edificadas nesses lugares sagrados, pois a benção nesses sítios não passa para ninguém, mas sim faz parte da essência desses lugares.

2. Benção no tempo: como o mês de Ramadaan, os dez dias de Dhul-Hijjah. Está benção está no tempo, ou seja, a pessoa adquire muitas recompensas pelas boas ações efetuadas nesses períodos.

3. Benção ligada a essência humana: que é o caso dos Profetas de Allaah quando vivos. Essa benção reside na essência dos Profetas, ou seja, Allaah colocou bênçãos nos seus corpos durante os seus tempos de vida. Sendo assim, a benção que reside nos corpos deles é somente adquirida enquanto eles estiverem vivos, depois da morte deles constitui Shirk (Politeísmo) procurar benção na essência deles!

Portanto, procurar bênçãos em árvores, pedras, santos, estudiosos, etc, constitui Shirk (Politeísmo)!

Fonte: [sintetizado da cassete número 9 do "Sharh Kitaab At-Tawhid" de Shaikh Saalih Aal Ash-Shaikh]

ابو زهرة فيصل بن محمد الموزمبيقي


Citar (Quote)
Compartilhar: