Mal-Entendido: O Islam É Uma Religião Só Para Árabes

A maneira mais rápida de provar que isso é uma afirmação completamente falsa é de indicar o facto de que apenas só 15% – 20% dos Muçulmanos são Árabes. Há mais Muçulmanos Indianos do que Muçulmanos Árabes, e mais Muçulmanos Indonésios do que Muçulmanos Árabes!

Acreditar que o Islam é uma religião só para árabes é um mito que foi espalhado pelos inimigos do Islam, no início de sua história. Esta suposição errada, é possivelmente baseada no facto de que a maior parte da primeira geração de Muçulmanos eram Árabes, o facto de Sagrado Alcorão ser em Árabe e que o Profeta Muhammad (paz esteja com ele) ser Árabe.

No entanto, tanto os ensinos do Islam como a história do mesmo mostram que os primeiros Muçulmanos fizerem todos os esforços para espalhar a Mensagem da Verdade para todas as nações, raças e povos. Além disso, é de importância esclarecer que nem todos os Árabes são Muçulmanos e que nem todos os Muçulmanos são Árabes.

Um Árabe pode ser um Muçulmano, Judeu, Cristão, ateu – ou de qualquer outra religião ou ideologia. Para além disso, muitos países que algumas pessoas consideram como “Árabes” não são Árabes – como a Turquia e o Irão (Pérsia) por exemplo. As pessoas que vivem nesses países falam outros idiomas além do Árabe como suas línguas nativas, que são de um herança étnica diferente do que os Árabes.

É importante perceber que desde o início da missão do Profeta Muhammad (paz esteja com ele), os seus seguidores vinham de um amplo espectro de indivíduos – havia por exemplo Bilal, o escravo Africano; Suhaib o Bizantino Romano; Ibn Sailam o Rabino Judeu; e Salam o Persa.

Já que a verdade religiosa é eterna e imutável, e a humanidade é uma fraternidade universal, o Islam ensina que as revelações de Deus O Todo-Poderoso para a humanidade foram sempre coerentes, claras e universais.

A Verdade do Islam é destinada para todas as pessoas, independentemente da sua raça, nacionalidade ou fundo linguístico. Tomando um olhar pelo Mundo Muçulmano, desde a Nigéria até à Bósnia e da Malásia até ao Afeganistão é suficiente para provar que o Islam é uma Mensagem Universal para toda a humanidade.

E para além disto tudo do que foi mencionado acima, não nos podemos esquecer de mencionar os números significativos de Europeus e Americanos de todas a raças e etnias que estão abraçando o Islam.

Fonte: SPubs.Com

Esta entrada foi publicada em Mal-Entendidos. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *